Maria Antónia Costa Santos


Pintura, Escultura ... 76 Assinantes Usuário desde 2006
Lisbonne, Portugal

Voltar para a lista Adicionado dia 29 de mar. de 2006


plaquette de l'exposition de tapisserie - texte de Maria Antónia Santos

É o suor, o riso, o cansaço.
É a cor, o renascer da noite e fica brilho e sol e água.
E fica fogo e grito.
Os dedos ardem nas cordas da cítara, são sangue, raízes da memória.
Mais tarde caminham lentamente no alisar do pêlo rugoso e acre, selvagem, da lã.

Maria Antónia Santos
Lisboa, Junho de 1991

 

Comentários

Seja o primeiro a postar um comentário! Entrar

Seja o primeiro a postar um comentário!